Archive for outubro \13\UTC 2010

Maratona CineclubeLGBT – Uma noite INTEIRA de Filmes, Festa e MUITA AZARAÇÃO!

outubro 13, 2010

Depois de uma pausa no mês passado, o CineclubeLGBT volta em outubro com uma maratona. Excepcionalmente na penúltima sexta do mês, dia 22, às 23h, o Cineclube apresenta os longas “Rainhas”, de Fernanda Tornaghi e Ricardo Bruno, e “Eu Matei Minha Mãe” de Xavier Dolan. Além dos filmes, a drag Suzy Brasil anima a plateia mais quente do Odeon e o DJ Great Guy assume as picapes com o melhor da música pop mundial. A noite termina com café da manhã para repor as energias.

O longa “Rainhas” mostra os bastidores do Miss Brasil Gay e acompanha a vida de Fábio, um rapaz de Rondônia, que vai para o Rio de Janeiro com o objetivo de se tornar a próxima Miss Brasil Gay. Já “Eu Matei Minha Mãe”, conta a história do conflituoso relacionamento entre o jovem Hubert e sua mãe Chantale, que cria seu filho sozinha. O filme foi escrito pelo próprio ator/diretor quando ele tinha apenas 16 anos e venceu três categorias no Cannes Film Festival 2009. O talento do rapaz pôde ser confirmado no Festival do Rio desse ano com Amores Imaginários.

 

Suzy Brasil garante a gargalhada

 

Pelo Twitter, @CineclubeLGBT, além de serem feitos sorteios de ingressos, nossos seguidores são convidados a darem dicas de músicas para tocar na festa, e de filmes que gostariam de ver nas telonas.

Preço: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Ingressos Antecipados: a partir de quarta-feira, 20.10, às 15h
Local: Cinema Odeon Petrobras • Dia: 22.10 • Horário: 23h
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel.: 21.2240.1093

SINOPSES

Rainhas, de Fernanda Tornaghi e Ricardo Bruno

Brasil, Digital, Cor, 2008, 71 min

Os bastidores do Miss Brasil Gay, principal concurso de beleza LGBT através da história de Fabio e seu parceiro rumo ao evento que mobiliza a vida de vários rapazes em todo o país – todos perseguindo o sonho de serem coroados a garota mais linda do Brasil.

Eu Matei Minha Mãe (J’ai tué mère), de Xavier Dolan

França, Digital, Cor, 2009, 96 min

O conflituoso relacionamento entre o jovem Hubert (Xavier Dolan) e sua mãe Chantale (Anne Dorval), que cria o garoto sozinha. Intercalando momentos de intensa cumplicidade e de distanciamento dramático, que interrompe o diálogo entre os dois, a produção apresenta uma visão semi-autobiográfica do relacionamento mãe e filho, com uma linguagem contemporânea, sexy e cheia de frescor.

E-mail para contato: cineclubelgbt@gmail.com