Archive for the ‘cinema gay’ Category

Dia 15.04 – Sessão de Meu Nome É Jacque

abril 8, 2016

 

Vai ter CineclubeLGBT em 2016 sim! E dessa vez com festa e debate! O tradicional evento de cinema lgbt volta na sexta-feira, dia 15, para o Cine Odeon com a exibição do documentário ainda inédito Meu Nome é Jacque, de Angela Zoé.

Meu Nome é Jacque conta a história da ativista Jacqueline Rocha Côrtes, mulher transexual e militante para pessoas soropositivas. Portadora do vírus HIV há 21 anos, sua jornada é marcada por desafios e conquistas, como seu papel de representante do governo brasileiro na Organização das Nações Unidas. A partir de sua trajetória, o filme aborda questões como diversidade e o preconceito.

A sessão conta com a presença de Jacqueline e sua família para um bate-papo com a plateia após a sessão. E, em seguida, festa com performance da belíssima drag queen Salomé Zainabu!

A primeira edição do CineclubeLGBT acontece no dia 15 de abril, às 20h30, no Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro. Os ingressos já estão à venda. É só clicar aqui. AH! Pelo o evento do Facebook teremos sorteios de ingressos.

“Meu nome é Jacque” é uma coprodução da Documenta Filmes, Globo Filmes e Globonews, com patrocínio da UNAIDS, do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, da ONU Mulheres e da ANCINE. O filme estreia na Globonews no dia 7 de maio de 2016.

Preço da sessão: R$ 24,00 (inteira) e R$ 12,00 (meia)
Ingressos Antecipados: clique aqui
Local: Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro
Dia: 15.04 Horário: 20h30
Endereço: Cinelândia – Rio de Janeiro

Sinopses

 Meu Nome é Jacque, de Angela Zoé

MEU NOME E JACQUE_Still 06_Jacqueline Rocha Cortes_Casa

Brasil, cor, 2016, 72 min, 12 anos.

 

O documentário “Meu Nome É Jacque” aborda a diversidade através da história de vida de Jacqueline Rocha Côrtes, uma mulher transexual brasileira, que vive com Aids há 21 de seus 55 anos. Militante pela causa, Jacque tem a vida marcada por lutas e conquistas como representante do governo brasileiro na Organização das Nações Unidas. Hoje, casada e mãe de dois filhos, mora numa pequena cidade, levando uma vida voltada para a maternidade e a família. Ao acompanhar o cotidiano de Jacque e revisitar sua trajetória, este documentário apresenta os inúmeros desafios que foram rompidos pela personagem, levantando uma reflexão sobre o preconceito, a homofobia e a identidade de gênero.

 

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt

Dia 27.08 – Sessão Especial New Queer Cinema

agosto 17, 2015

logo_full_color_600dpi -RGB

Quem é vivo, sempre aparece. E o CineclubeLGBT aproveita essa máxima e ressurge em grande estilo. Em parceria com a Mostra New Queer Cinema, a primeira edição de 2015 exibe filme de Bruce LaBruce e conta com a presença do diretor! Ah, e a festa volta a rolar no próprio Cine Odeon!

A sessão do CineclubeLGBT, acontece no dia 27, última quinta-feira do mês, às 20h30 com a exibição do longa-metragem de estreia de Bruce LaBruce, No Skin Off My Ass. A obra de 1991 também é protagonizada por LaBruce, que interpreta um cabeleireiro punk solitário que se atrai por um skinhead e o leva para a sua casa. No Skin Off My Ass é um remake em versão gay do filme Uma Mulher Diferente, de Robert Altman, e que já traz uma das características principais de suas obras: ousadas cenas de sexo e muita polêmica.

Após a sessão, a já conhecida festa volta ao Odeon, desta vez com discotecagem do DJ Ber Back. A exibição do filme seguida de festa tem início marcado para as 20h30 e o ingresso custa R$24 (inteira) e R$12 (meia-entrada). Não perca essa incrível sessão. AH! Pelo Facebook, sorteios de ingressos.

A Mostra New Queer Cinema é um evento patrocinado pela CAIXA  e aconteceu na CAIXA Cultural Rio de Janeiro, em São Paulo, está em Fortaleza e vai para Curitiba e Salvador.

Entrada: R$ 24,00 (inteira) e R$ 12,00 (meia)
Ingressos Antecipados: a partir de quarta-feira, 26.08, assim que abrir a bilheteria.
Local: Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro
Dia: 27.08 Horário: 20h30
Endereço da sessão: Cinelândia – Rio de Janeiro

Sinopses

No Skin Off My Ass, de Bruce LaBruce

Canadá, p&b, 1991, 73 min.
Elenco: Bruce La Bruce e Klaus von Buecker

Um remake em versão gay do filme “Uma Mulher Diferente”. Um cabeleireiro punk solitário é atraído por um skinhead e o leva para a sua casa.O filme conta com atuações de Bruce, que interpreta o cabeleireiro punk; Klaus von Brücker, como o skinhead por quem o cabeleireiro é apaixonado.

Facebook: https://www.facebook.com/cineclube.lgbt

Dia 28.11 – Sessão 20 anos de Priscilla – A Rainha do Deserto

novembro 21, 2014

parada

priscilla

Sim, bonit@s! Já se passaram 20 anos desde que o clássico do cinema LGBT Priscilla – A Rainha do Deserto surgiu (para ficar) em nossas vidas! E para dar continuidade à programação da 19ª Parada do Orgulho LGBT do Rio, o CineclubeLGBT convida você para (re)assistir essa maravilha em tela grande, celebrando essas duas décadas de sua estreia, com exibição gratuita! E sem reclamar da cacurice que se aproxima!

Embalado por uma contagiante e inesquecível trilha sonora, o road movie de Stephan Elliott acompanha a viagem das drag queens Anthony (Hugo Weaving) e Adam (Guy Pearce) e da transexual Bernadette (Terence Stamp) pelo deserto australiano, transportados  pelo ônibus batizado de ”Priscila”. Revelações, desafios e boas risadas permeiam essa obra, que conta com canções de grupos icônicos como Abba, Village People, além de Gloria Gaynor e outras mais.

O próximo CineclubeLGBT matem a parceria com o Grupo Arco-Íris e rola dia 28 de novembro, às 22h, no Cine Estação Botafogo 1. A entrada é GRATUITA! A festa desta edição mantém a parceria com o clube/bar Sinônimo da Lapa, com o VJ Great Guy comandando a pista pop e muitas outras atrações (que você pode conferir aqui)! O preço da festa é à parte e custa R$10 para quem apresentar o ingresso da sessão, a noite toda. O Sinônimo Lapa fica na Lapa, Av. Mem de Sá, nº 118, Sobrado.

 

Entrada Franca
Ingressos: retirados na bilheteria do Cine Estação Botafogo, no dia da sessão.
Local: Cine Estação Botafogo 1
Dia: 28.11 Horário: 22h
Classificação: 16 anos
End: Rua Voluntários da Pátria, 88 – Botafogo, Rio de Janeiro
Tel: (21) 2226 1988

 

Sinopses

Priscilla – A Rainha do Deserto, de Stephan Elliott

Austrália, cor, 1994, 103 min., 14 anos.
Elenco: Terence Stamp, Hugo Weaving, Guy Pearce

 

As drag queens Anthony (Hugo Weaving) e Adam (Guy Pearce) e a transexual Bernadette (Terence Stamp) são contratadas para realizar um show em Alice Springs, uma cidade remota localizada no deserto australiano. Eles partem de Sydney a bordo de Priscilla, um ônibus, tendo a companhia de Bob (Bill Hunter). Só que no caminho eles descobrem que quem os contratou foi a esposa de Anthony.

 

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 29.11 – Sessão Curta Cinema

novembro 22, 2013

maos-banner

Dando continuidade a parceria com o Grupo Arco-íris e integrando as atividades da 18ª Parada do Orgulho LGBT Rio 2013, o CineclubeLGBT tem mais uma sessão com ENTRADA GRATUITA, no Odeon. É a Sessão Curta Cinema, com curadoria do bombado festival de curtas carioca, que aconteceu no começo de novembro.

A edição deste mês de novembro, que rola na sexta-feira, dia 29, traz seis pérolas imperdíveis, que vão do intimismo ao humor escrachado. E quem apresenta os filmes em cartaz é um dos curadores do Curta Cinema, Andy Malafaya:

“A Sessão Cineclube LGBT do Curta Cinema foi pensada para trazer, acima de tudo, os melhores filmes da safra sobre a temática. Felizmente, os seis curtas tem em comum a grande capacidade de empatia com o público, dentro da particularidade de cada um. Há desde o despertar da paixão adolescente em Meu Melhor Amigo e em Antes de Palavras, até as dificuldades enfrentadas por um estrangeiro mais velho em Tubarão, passando por uma vingança caricata em A Caroneira, o lirismo de Um Diálogo de Ballet e o desejo de uma mulher em ser transformista em Jessy.”

E, como não poderia faltar, depois da sessão tem… a festa! O nosso VJ Great Guy comanda o som no Landro Carioca, o recém-nascido point LGBT da Lapa, em festa que também será gratuita para quem apresentar o ingresso do cinema. Para quem não prestigiar os filmes, a festa custará apenas R$ 10.

AH! Pelo Twitter @CineclubeLGBT e pelo Facebook, mais novidades.

A Sessão, como sempre, será no Odeon, na Cinelândia, e a festa no Landro Carioca, que fica na Av. Mem de Sá, nº 120, e está com uma programação incrível.

Preço: ENTRADA FRANCA
Ingressos: distribuição de ingressos a partir de 19h de sexta-feira, 29.11.
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 29.11 Horário: 21h
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

Preço da festa: GRATUITA a noite toda com a apresentação do bilhete de entrada da sessão e R$ 10 para quem não possuir o ingresso.
Local: Landro Carioca – Sobreloja
Horário: após a sessão
Endereço da festa: Av Mem de Sá, 120 (segundo andar – subindo as escadas coloridas), Lapa, Rio de Janeiro, RJ

Sinopses

Jessy, de Paula Lice, Rodrigo Luna, Ronei Jorge

Jessy

Bahia, digital, 2013, 15 min

Jéssica Cristopherry! Assim se chamavam todas as personagens da infância de Paula Lice. Atriz, dramaturga e mulher, Paula conta com o apoio das madrinhas Carolina Vargas, Ginna d’Mascar, Mitta Lux, Rainha Loulou e Valérie O’harah para resgatar Jéssica e realizar o desejo de ser transformista.

O Melhor Amigo, de Allan Deberton

O melhor amigo

Ceará, digital, 2013, 18 min
Elenco: Jesuita Barbosa, Marta Aurélia, Victor Sousa

Sábado, primeiro dia de férias. Lucas e Felipe decidem ir à praia.

Um Diálogo de Ballet, de  Filipe Matzembacher, Marcio Reolon

Ballet

Rio Grande do Sul, digital, 2012, 7 min

Um jovem e um senhor acordam. O tempo passa. E para.

Tubarão, de  Leo Tabosa

Tubarão

Pernambuco, digital, 2013, 13 min

 As dificuldades de um estrangeiro em adaptar-se à sua nova realidade.

A Caroneira, de Otavio Chamorro, Tiago Vaz

A Caroneira

Brasília, digital, 2012, 20 min
Elenco: Ana Lucia Ribeiro, André Deca, Cássia Gentile, Gleide Firmino, Jonathan Andrade, Lisbeth Rios, Marisa Castro

Uma mulher misteriosa em busca de vingança. Para enfrentar sua arquirrival, Eleolaine vai enveredar pelo crime e pela paixão para fazer justiça.

Antes de Palavras, de Diego Carvalho Sá

Antes de Palavras

São Paulo, digital, 2013, 13 min

 Fragmentos da aproximação entre dois garotos contemplam o ingênuo interesse de Célio por Dário, o pressupor de Sofia diante desta aproximação e o interesse prévio de Dário por Célio.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 25.10 – Fetiche Nosso de Cada Dia

outubro 19, 2013

Quem nunca passou, ou desejou passar, por situações inusitadas em um parque de Berlim, fez banheirão com banqueiros loucos para soltarem o estresse do trabalho, marcou um encontro às cegas com um anônimo, passou uma divertida tarde com as amigas, encontrou estranhos em um edifício em construção ou ainda usou o sadomasoquismo como válvula de escape. A Sessão Fetiche Nosso de Cada Dia do próximo CineclubeLGBT convida a todos para soltarem suas fantasias com muito erotismo. É uma Sessão para fortes….

Despretensioso, Berlim É do Caralho mostra um inusitado encontro em um parque da referida cidade.

O cineasta português Antonio da Silva nos mostra dois exemplos bem quentes de sexo com anônimos, seja em um banheiro público ou em nossas casas. Bankers mostra como banqueiros oprimidos por seus ternos e estressante trabalho liberam sua tensão. Já Mates mostra encontros às cegas com desconhecidos pela internet. E que encontros…

Mais uma vez a produtora Xplastic, especializada em filmes com meninas, nos mostra como a atriz pornô Bruna Vieira se diverte com um casal de amigas, em Show da Bruna.

O caliente encontro entre dois jovens em um prédio em construção é a tônica do mexicano Bramadero.

Para finalizar com chave de ouro e bagunçar de vez nossos conceitos, um dos melhores curtas de 2012, Filme para Poeta Cego, que nos coloca frente a frente com o visceral poeta Glauco Mattoso, que faz o diretor Gustavo Vinagre e o público passar por “maus” bocados.

E tudo isso GRATUITO, graças a parceria com a 18ª PARADA DO ORGULHO LGBT RIO 2013, organizada pelo Grupo Arco-Íris e o Instituto Arco Íris.

Após a Sessão, o VJ Great Guy comandará a festa, que também será gratuita para quem apresentar o ingresso do cinema. Para quem não prestigiar os filmes, a festa custará R$ 10.

AH! Pelo Twitter @CineclubeLGBT e pelo Facebook, mais novidades.

A Sessão como sempre será no nosso incrível Odeon, na Cinelândia, e a festa no  Landro Carioca, que fica na Av. Mem de Sá, nº 120, e está com uma programação incrível.

Não recomendado para menores de 18 anos, pois os filmes possuem cenas de sexo explícito.

Distribuição de Ingressos: no dia da Sessão, sexta-feira, 25.10, a partir de 19h
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 25.10 Horário: 21h
Endereço da sessão: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

Preço da festa: GRATUITA a noite toda com a apresentação do bilhete de entrada da sessão e R$ 10 para quem não possuir o ingresso.
Local: Landro Carioca – Sobreloja
Horário: após a sessão
Endereço da festa: Av Mem de Sá, 120 (segundo andar – subindo as escadas coloridas), Lapa, Rio de Janeiro, RJ

Sinopses

 

Berlim É do Caralho, de Mimi Muniz

Berlim_E_do_Caralho

Brasil, RJ, 2011, cor, 3 min
Elenco: Caique Tizzi e Rodrigo Maltez Novaes

Um turista e um desconhecido se encontram em um parque em Berlim. Um inusitado flerte acontece entre eles.

Bankers (Banqueiros), de Antonio da Silva

BANKERS

Portugal, 2012, cor, 12 min
Elenco: Banqueiros anônimos.

Uma câmera escondida retrata as interações sexuais entre banqueiros em um banheiro público durante a sua pausa para o almoço. Sem palavras, apenas sinais, alguns sons do corpo, é uma coreografia ao redor do mictório na hora do almoço.

 

Mates, de Antonio da Silva.

MATES

Portugal, 2011, cor, 5 min
Elenco: Anônimos.

Você já fez sexo anônimo com alguém que conheceu online? Está tudo bem, a maioria de nós já fez. Nós apenas não gostamos muito de falar sobre isso. Este curta caleidoscópico leva um olhar gráfico e não simulado sobre vários encontros casuais.

Show da Bruna, de R.Rufião

Show da Bruna

Brasil, RJ, 2011, cor, 16 min
Produtora: Xplastic. Elenco: Bruna Vieira, Legs Dyke e Karen Nofx.

A atriz pornô Bruna Vieira convida um casal de amigas lésbicas para uma tarde entre garotas. No “Show da Bruna” as convidadas que mandam. E mandam de um teste oral com penetração a um teste da aranha de doze patas!

Bramadero, de Julián Hernández

Bramadero

México, 2007, cor, 22 min
Elenco: Cristhian Rodríguez e Sergio Almazán.

Hansen e Jonás encontram-se num pequeno espaço na periferia da Cidade do México. Longe de tudo, descobriram um lugar onde podem seduzir-se um ao outro e fundir-se num só; onde o sexo se transforma em desejo e o desejo em amor. Apenas a morte pode separá-los. O Bramadero poderá ser um lugar específico ou nenhum lugar em especial, mas sai-se de lá sempre tão nu e sozinho quanto se entrou.

Filme para Poeta Cego, de Gustavo Vinagre

Filme_para_Poeta_Cego

Brasil, SP, Cor, 2012, 26 min
Elenco: Glauco Mattoso, Carlos Akira Nichimura, José Trassi

Glauco Mattoso, poeta cego sadomasoquista, aceita participar de um documentário sobre a sua própria vida, mas as condições que ele impõe dificultam o trabalho do jovem diretor.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 06.09 – Sessão Páginas da Vida

agosto 30, 2013

Imprima este flyer, apresente na bilheteria e pague meia-entrada!

Cineclube_LGBT_Filipeta_06_09_13

O doce e o amargo da memória e vida homoafetiva brasileira está em foco na próxima edição do CineclubeLGBT. A Sessão Páginas da Vida traz, em três documentários, o nosso cotidiano, nossa história, nossas lutas e conquistas.

Fruto da Oficina de Realização de Vídeo do Projeto Olho Vivo, coordenado por Luciano Coelho, o filme Singularidades mostra a vida de diferentes pessoas que, em comum, possuem apenas o fato de serem homossexuais e beirando os 50 anos.

Em Segredos de Amor, de Eunice Gutman, o lesbianismo no Brasil é retratado a partir da vida amorosa de duas mulheres. E a história da primeira boate gay da capital gaúcha, o Flower’s, é o assunto do documentário Flores de 70, de Vinícius Cruxen.

E a edição do CineclubeLGBT segue com a novidade de fazer a festa em outro local e, com som a noite inteira! O nosso encontro pós-sessão rola na Lapa, na boate Sinônimo Lapa, com discotecagem do Great Guy!!

E ATENÇÃO: O ingresso para a sessão custa R$14 a inteira e R$7 a meia. Mas todo mundo que levar a FILIPETA IMPRESSA, PAGA MEIA! O preço da festa é à parte e custa R$10 a noite toda.

AH! Pelo Twitter @CineclubeLGBT e pelo Facebook, sorteios de ingressos.

O Sinônimo Lapa fica na Av. Mem de Sá, nº 118, e está com uma programação incrível (conferir aqui).

Não recomendado para menores de 16 anos.

Preço da sessão: R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia) – Paga meia quem levar e-flyer impresso!
Ingressos Antecipados: a partir de quinta-feira, 05.09, às 15h
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 06.09 Horário: 21h
Endereço da sessão: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

Preço da festa: R$10 a noite toda com a apresentação do bilhete de entrada da sessão.
Local: Sinônimo Lapa
Horário: após a sessão
Endereço da festa: Av. Mem de Sá, nº 118, Sobrado, Lapa, Rio de Janeiro.

Sinopses

Segredos de Amor , de Eunice Gutman

Segredos de Amor

 RJ, 1998, cor, 31 min

O lesbianismo no Brasil, focalizando a vida amorosa de duas mulheres, assim como imagens e entrevistas durante a passeata internacional de gays e lésbicas por ocasião do Congresso da ILGA – International Lesbians and Gays Association, no Rio de Janeiro em 1995.

Singularidades, de Criação coletiva da Oficina de Realização de Vídeo do Projeto Olho Vivo / Coordenação: Luciano Coelho

Singularidades

PR, 2006, cor, 35 min

Um pedreiro, uma empresária, um zelador, um artista plástico, uma ex-dançarina e uma travesti, todos homossexuais e chegando ao 50 anos. O que muda? Quais são os planos? O que esperam de um relacionamento?

Flores de 70, de Vinícius Cruxen

Flores de 70

RS, 2007, cor, 22 min
Coordenação do Projeto: SOMOS – Comunicação, Saúde e Sexualidade

A história da primeira boate gay da capital gaúcha: o “Flower’s”. A boate funcionou durante boa parte da década de 70, e virou referência na noite de Porto Alegre.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com 
Twitter: www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 25.01 – Sessão Grupo Arco-Íris com o filme Kátia

janeiro 18, 2013

Arco-iris

O vento de 2013 sopra a nosso favor. Este mês teremos o primeiro CineclubeLGBT do ano e vem com muitas novidades!!!

Com o essencial patrocínio do Grupo Arco-Íris, a próxima edição é no dia 25 de janeiro, às 21h, no Cinema Odeon, com ENTRADA GRATUITA para a sessão! A grande novidade é a festa pós-exibição, que acontece no bar e boate Sinônimo Lapa, bombado point gay da Lapa, com entrada a R$10 (dez reais) para quem apresentar o ingresso do Cineclube!

Em cartaz no CineclubeLGBT: o longa-metragem inédito Kátia, de Karla Holanda. O documentário retrata o cotidiano da piauiense Kátia Tapety, primeira travesti eleita a um cargo político no Brasil. A delicada obra já foi exibida em diversos festivais e levou o prêmio de “Melhor Filme” no Festival For Rainbow 2012.

E, após a sessão, tod@s indo para o Sinônimo – Av. Mem de Sá, nº 118, Lapa – para trocar uma ideia e, claro, azarar a noite toda numa festa que vai até altas horas! Mas não se esqueçam de levar o bilhete de entrada do CineclubeLGBTpara pagar mais barato hein!

Ah, e tem mais, além do Sinônimo, os ursos e seus admiradores também poderão apresentar seus ingressos e pagar R$ 5,00 (cinco reais), na True Bear – Espaço Multifoco – Av. Mem de Sá, 126 – Lapa.

Entrada da sessão: Franca.
Ingressos: no dia da sessão (25 de janeiro), liberados a partir das 19h.
Local: Cinema Odeon Petrobras
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

Entrada da festa: R$10 (dez reais) com a apresentação do ingresso do CineclubeLGBT.
Local: Sinônimo Lapa
End.: Av. Mem de Sá, nº 118, Lapa.

Dia: 25.01 Horário: 21h00
Classificação: 16 anos

Sinopses

Kátia, de Karla Holanda.

katia

Brasil, digital, 74 min.

Kátia Tapety tornou-se a primeira travesti eleita a um cargo político no Brasil – foi vereadora três vezes e vice-prefeita. O filme é resultado de 20 dias de convívio com ela no seu pequeno município no sertão do Piauí.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: www.twitter.com/cineclubelgbt

 

Dia 25.05 – Sessão Cheias de Charme

maio 18, 2012

A alma de mulher num corpo masculino. A busca por uma identidade contrária ao dos registros de nascimento. Com muito encanto, colorido e, claro, respeito, o CineclubeLGBT traz a Sessão Cheias de Charme, um breve panorama das transexuais femininas e travestis que deram a volta por cima e quebraram diversos tabus no Brasil.

Cheias de charme e atitude, a riqueza do universo dessas moças está na vida humilde de Paola, do documentário de Eduardo Chaves, ou na de superação de Márcia, na produção de Bertrand Lira. Está também no encontro das transex’s Amanda e Monick, mostrado por André da Costa; na jornada de Ale, pensada por Rudolfo Auffinguer e Sonia Procópio e ainda nos retratos de 6 travestis feitos por Leo Tabosa e Rafael Negrão.

O público está convidado a desvendar o mundo repleto de incertezas, dissabores, mas também esperança, realizações e muito charme dessas personagens ainda tão estigmatizadas e marginalizadas na nossa sociedade. Elas não só estão entre nós, como são umas de nós!

Após essa bela sessão, podemos todos trocar ideias, rever amigos e (por que não?) azarar na tradicional festa com o melhor do pop comandada pelo VJ Great Guy.

O CineclubeLGBT começa às 21h e acaba às 2h. Pelo Twitter @CineclubeLGBT, além de sorteios de ingressos, nossos seguidores são convidados a darem dicas de músicas para tocar na festa, e de filmes que gostariam de ver nas telonas.

Preço: R$ 18,00 (inteira) e R$ 9,00 (meia)
Ingressos Antecipados: a partir de quinta-feira, 24.05, às 15h
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 25.05 Horário: 21h
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

SINOPSE

Paola, de Eduardo Chaves

Paraíba, digital, 2003, 18 min.

O filme trata do cotidiano de José Bento dos Santos, que na realidade é Paola, um rapaz de 21 anos(à época) que vive numa cidade, ou melhor, um aglomerado rural encravada no meio do nada e com um dos piores indicadores de desenvolvimento humano (IDH)do Brasil contando com uma população de cerca de 1800 habitantes.
O que Paola tem de diferente dos outros habitantes da cidade é que –“…ele só conversa coisa de mulher…”, nas palavras de Sonia-agricultora e sua vizinha.

 

-fuso, de Rudolfo Auffinguer e Sonia Procópio

Paraná, digital, 2009, 6 min.

O título suger e a busca de um sufixo para difuso e confuso, além de remeter a fuzo, de fuzarca, fuzoê. \”Traço fuso\” retrata Ale que não só trabalha em salão de beleza, mas se preocupa com sua própria imagem.

Retratosde Leo Tabosa e Rafael Negrão

Pernambuco, digital, 2010, 18 min.

Retratos, conta a história de 06 travestis que desempenham diferentes atividades profissionais desvinculadas da prostituição no Estado de Pernambuco.

O Diário de Márcia, 0de Bertrand Lira

Paraíba, digital, 2011, 20 min.

Se fosse doença eu teria procurado a cura; se fosse aprendido, eu já teria desaprendido. Se fosse opção, eu jamais teria optado.” (Márcia, 46 anos, transexual paraibana)

 

Amanda e Monick, de André da Costa Pinto

Paraíba, digital, 2007, 19 min.

Duas transex’s que vivem em realidades totalmente opostas e tem suas vidas cruzadas em sala de aula, demonstrando que o que vale em qualquer relacionamento é a felicidade.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 27.04 – Sessão Trash

abril 21, 2012

O CineclubeLGBT decreta: nesta estação o Trash is the new black. Por isso, a próxima edição do evento de cinema gay mais “chuchu beleza” do Rio vem toda montada no brilho e na cor, no amor e no poder! E a Sessão Trash celebra o que tem de melhor (?) nessa estética tão irreverente quanto bizarra.

Para confirmar a tendência, o Cineclube traz a babá mística e fashionista Mary Poppers – Uma Babá do Babado, curta de Sandra Brogioni.  E como toda moda exige um vocabulário do momento, aprenda as expressões que estão em alta com os divertidíssimos GLOSSário e GLOSSário – 2ª lição, de FaBinho Vieira. Também em cartaz está Ludmilo My Baby, de Luiz Fernando Borges, com suas relações familiares e amorosas bem, digamos, diferenciadas, mostrando que estranho e fora do comum é tudo uma questão de ponto de vista.

Como toda onda retrô tem seu lugar garantido a cada temporada, os anos 90 vem com tudo em A Bicha de Blair, sátira do clássico “noventista” A Bruxa de Blair. Também tem os anos 70, com o saudosista e hilário Panteras Fora do Armário, mostrando um lado desconhecido das Charlie’s Angels.

E, claro, por se tratar de uma estética de gosto um tanto duvidoso, a polêmica não poderia ficar de fora e vem com o curta Novembro Paralelo, de Ivan Ribeiro, uma versão vingativa do ataque homofóbico na Avenida Paulista.

Mas não é só isso! Muitos outros curtas estão programados, além da tradicional festa pop, cheia de glitter, paetê, paquera e azaração comandada pelo VJ Great Guy.

O CineclubeLGBT começa às 21h e acaba às 2h. Pelo Twitter @CineclubeLGBT, além de sorteios de ingressos, nossos seguidores são convidados a darem dicas de músicas para tocar na festa, e de filmes que gostariam de ver nas telonas.

Preço: R$ 18,00 (inteira) e R$ 9,00 (meia)
Ingressos Antecipados: a partir de quinta-feira, 26.04, às 15h
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 27.04 Horário: 21h
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

SINOPSE

GLOSSário, de FaBinho Vieira

Ceará, digital, 2008, 2 min.
Elenco: Bernardo Vitor e Jomar Carramanhos

Alicia e Verónica são suas professoras em uma aula diferente, num lugar inusitado. Esteja bem à vontade com essas duas para que o aprendizado ocorra de maneira tranquila, relaxada e beeem gostosa…

Mary Poppers – Uma Babá do Babado, de Sandra Brogioni

São Paulo, digital, 2001, 20min.

Mary Poppers é uma dog sitter com poderes mágicos que, além do amor pelos animais, adora ajeitar a vida das pessoas. Mas ela guarda um misterioso segredo.

 

Überchuca, de Rafael Saparelli

São Paulo, digital, 1min 50s.
Elenco: Rafael Saparelli, Mario Gomes, Jurandir Souza e Silva, Leonardo Maestrelli

Vídeo sátira dos anúncios dos canais de venda da televisão aberta (Polishop)

Ludmilo, My Baby, de Luiz Fernando Borges

Rio de Janeiro, digital, 2010, 15 min.
Elenco: Jarbas Albuquerque, Jonathan Azevedo, Kati Pinto

Uma psico crônica social, que conta a estória de uma mãe, Elvira, vivendo com seu filho, Ludmilo e o namorado deste, Dos Reis, em uma kitchenette de Copacabana. Elvira e Dos Reis se antagonizam apesar das tentativas conciliatórias de Ludmilo. A relação dos personagens chega ao clímax durante uma feijoada preparada por Elvira.

BIXTEL, de Rafael Saparelli

São Paulo, digital, 1min.
Elenco: Lindomar

Vídeo sátira do comercial da Nextel.

A Bicha de Blair, de Sandra Brogioni

São Paulo, digital, 1999, 10min.

Uma paródia gay do filme A Bruxa de Blair. Vencedor do primeiro Show do Gongo do Mix Brasil

Come, de Sandra Brogioni

São Paulo, digital, 2000, 1min 45s.

Um clipe anti-violência, usando cenas de luta de MMA. A música é uma versão de “Call Me” de Chris Montez. Vencedor do Show do Gongo do Mix Brasil

Novembro Paralelo, de Ivan Ribeiro

São Paulo, digital, 2011, 12min.
Elenco: Silvetty Montilla, Michelly Summer, Stefany di Bourbon, Clayton Sangregorio, Fabio Ramos,
Marcio Tito Pellegrini, Carlos Venâncio, Hugo Zanardi e Rodrigo Duarte. 

Em 14 de novembro de 2010 um ato de intolerância chocou o Brasil, porém em novembro de um 2010 alternativo, na manhã daquele fatídico domingo os acontecimentos tomaram um rumo diferente.

Panteras Fora do Armário, de Sandra Brogioni

São Paulo, digital, 2001, 6min.

Três antigos episódios da série hit dos anos 70 “As Panteras”  serviram de base para uma dublagem de um “novo” episódio em que Sabrina e Kelly assumem que são bem mais que apenas colegas de trabalho.

Furico li, Furico lá, de Sandra Brogioni

São Paulo, digital, 2009, 4min.

Video musical em que um proctologista se queixa dos homens que chegam em seu consultório com lesões provocadas por caídas sobre estranhos objetos.
Vencedor do show do Gongo do Mix Brasil.

GLOSSário, 2ª lição, de FaBinho Vieira

Ceará, digital, 2011, 3 min.
Elenco: Bernardo Vitor, Denis Lacerda, Jomar Carramanhos e Silvero Pereira.

Dando continuidade à primeira lição, desta vez Alicia e Verónica estão acompanhadas de Deydianne e Gisele. Juntas, elas completarão seu aprendizado, em uma aula dinâmica e cheia de graça!

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt

Dia 30.03 – Sessão Erotica

março 22, 2012

I’d like to put you in a trance, all over

Que tal nos despedir do verão e do calor escaldante elevando a temperatura lá nas alturas?

Aproveitando que Madonna está com música nova em nosso playlist e que este ano a Rainha do Pop completa 20 anos do seu álbum mais apimentado, o CineclubeLGBT vem bem safadinho com a Sessão Erotica, proibida para menores de 18 anos!

A sessão, que acontece no dia 30 de março, às 21h, no Cinema Odeon Petrobras, traz cinco filmes bem ousados e, às vezes, explícitos que podem chocar os mais conservadores. Mas, OH! Não confundam o CineclubeLGBT com cinema pornô, ok! Erotismo e hedonismo também pode ser um entretenimento artístico.

E, provando isso, está em cartaz o curta carioca Day & Nightshots, do artista Marcos Chaves, parte do filme coletivo Destricted.br, versão brasileira para o projeto Destricted, do curador Neville Wakefield. Neste trabalho experimental uma câmera na cintura vai atrás de homens de sunga, na praia e em inferninhos gays.

Vindo de Portugal, o despretensioso 10 Dias (Sem Bater), já exibido em festivais como o Mix Brasil e o Pop Porn, mostra a saga de Daniel. Jovem que gosta de se exibir em websites, ele decide ficar sem se masturbar por 10 dias e mostrar o resultado online. Até que… Ele se apaixona pelo virgem Alex.

Ainda sobre o “sexo solitário”, No Quarto Deles, do instigante diretor Travis Mathews (o mesmo de I Want Your Love), retrata o dia de homens da cidade grande em busca de prazer fugaz. Esse é o primeiro episódio, passado em São Francisco, do projeto que já foi, também, a Berlim.

Loja de Discos, da famosa produtora de filmes pornográficos alternativos X-Plastic, duas jovens procuram algo para fazer quando estão juntas na tal loja. E a sessão ainda conta com o impactante e melancólico Rotina Matinal, de Daniel Donato. Uma noite na vida de uma travesti que se prostitui.

Depois da sessão temperada com muita pimenta malagueta, é hora de ir aos bons drinks e ferver na pista improvisada do Odeon, com a festa pop, cheia de paquera e azaração comandada pelo VJ Great Guy.

O CineclubeLGBT começa às 21h e acaba às 2h. A classificação para esta seso é 18 anos. Pelo Twitter @CineclubeLGBT e pelo Facebook, além de sorteios de ingressos, nossos seguidores são convidados a darem dicas de músicas para tocar na festa, e de filmes que gostariam de ver nas telonas.

Preço: R$ 18,00 (inteira) e R$ 9,00 (meia)
Ingressos Antecipados: a partir de quinta-feira, 29.03, às 15h
Local: Cinema Odeon Petrobras
Dia: 30.03    Horário: 21h
End.: Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

SINOPSE

10 dias (sem bater), de Luís Assis

Portugal, digital, 2011, 36 min.
Elenco: Jeremias Machado, Mário Rodrigues, Sofia Ângelo, Manuel Santos.

Daniel, um rapaz de 20 anos, costuma fazer vídeos seus a masturbar-se para colocar num site da Internet.

Quando decide fazer um vídeo depois de estar 10 dias sem se masturbar, conhece Alex, um rapaz por quem se apaixona. Alex não só nunca teve sexo com ninguém, como quer perder a virgindade com Daniel.

Daniel vai ter de decidir se vai para a cama com o rapaz ou espera até ao fim dos 10 dias para poder fazer o vídeo primeiro.

No Quarto Deles (In Their Room), de Travis Mathews

EUA, digital, 2010, 20 min

Um documentário sobre jovens gays na cidade grande, que buscam o amor, mas se contentam com encontros de uma noite só, o que podem deixá-los com um vazio maior do que antes.

Day & Night shots (oferta e procura), de Marcos Chaves

Brasil, digital, 2010, 10 min.

 Filme experimental com homens mostrados da cintura para baixo durante o dia e durante a noite.

 

Loja de Discos, de X-Plastic

Brasil, digital, 2010, 10 min.
Elenco: Jéssica Piercing e Juliana Pink

Jéssica Piercing e Pink passando o tempo juntas numa loja de discos.

 

Rotina Matinal, de Daniel Donato

Brasil, digital, 2011, 12 min.
Elenco: Cintia Dutra e Rafael Tombini

Uma travesti pensa que o cliente pode ser alguém diferente. O dia amanhece e ela volta à sua rotina.

E-mail: cineclubelgbt@gmail.com
Twitter: http://www.twitter.com/cineclubelgbt
Lista Amiga: http://listaamiga.com/cineclubelgbt